segunda-feira, 13 de dezembro de 2010

Filosofando IV

“A criatividade é uma mediunidade que dispensa tambores, velas, ou seja lá o que for. Mas como qualquer espírito, o espírito da mágica precisa do seu instrumento e das suas ferramentas para trabalhar, embora muitas vezes as invente”.



(Jan Robba em:"O livro das esquisitices")

Um comentário:

  1. É uma mediunidade cujos médiuns são escolhidos a dedo. Rss, beijos.

    ResponderExcluir